O poder dos dez minutos

Você já se cansou de receitas de felicidade que não funcionam? Já deixou de acreditar que é capaz de fazer uma grande mudança na sua Vida? Só de imaginar que teria que gastar muito tempo e energia no seu sonho você já desistiu de lutar? Pois é, gurus e livros propagam fórmulas prontas de felicidade, porém muitas delas sugerem mudanças pouco práticas. E se viver melhor significasse usar dez minutos por dia para criar a sua própria fórmula?

Sim, não precisa ser complicado! Não precisa rasgar a página e começar do zero, é só passar a borracha em algumas partes e continuar escrevendo. Avançar então está em transformar pequenas atitudes do seu dia a dia. Isto fará uma grande diferença lá na frente. Imagine um carro que desvie sua rota em apenas um grau. Em dez minutos este veículo já estará em um local bem diferente. Para nós seres humanos, a “rota de sempre” são as nossas crenças, a famosa zona de conforto. E este é o desafio proposto: usar dez minutos a cada dia para experimentar novos rumos em sua Vida.

Muitas empresas já perceberam este poder de criar continuamente suas melhorias, e obtiveram ganhos crescentes e sustentáveis nos seus indicadores, fazendo mais (e melhor) com menos. A sociedade, inclusive, muda através de microrrevoluções, ou seja, movimentos que começam de repente, com grupos pequenos, mas que se alastram através das redes, moldando a sociedade de forma orgânica e marcante.

De forma prática, há duas alavancas que sugerimos para usar bem estes dez minutos. A primeira é desenvolver continuamente seus pontos fortes.  Investir nos próprios talentos surte mais efeito que desenvolver seus pontos fracos. Entretanto, há aquelas características que ofuscam nossos talentos, então investigá-las e desenvolvê-las é uma estratégia inteligente. Todo erro é apenas uma tentativa de sucesso, e uma pequena mudança a cada dia pode facilitar todo o processo. Não são necessárias superações, mas sim um olhar mais carinhoso com nossos pontos fracos, usando as dificuldades como oportunidades de mudança.

Mais que um valor numérico e científico, estes dez minutos são a metáfora que simboliza as mudanças pontuais e contínuas que precisamos para evoluir. O fundamental é que este movimento para uma Vida melhor, e também um mundo melhor, comece com cada indivíduo. Gandhi, sabiamente, afirmou: “Seja a mudança que você deseja ver no mundo.” Se um dia tem mais que 1000 minutos, que tal usar apenas dez para se aproximar do seu sonho? Enriqueça com equilíbrio, e do seu jeito, a fórmula quem cria é você!

André Dametto e Gisele Dahis são os empreendedores do projeto “O Poder dos dez minutos”

Sobre André Luiz Dametto

Apaixonado por aprender e criar. Às vezes professor e consultor, outras artista ou flâneur, mas livre, sempre..
Esse post foi publicado em Coaching, Equilíbrio Pessoal e Profissional, Essência da Vida, Pensamentos, Qualidade de Vida e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s