De onde vim, pra onde vou…

Olá amigos, agora o blog está aqui no link saberlivre.com

Acho importante que vocês conheçam um pouco da minha história pessoal, então conto um pouco de onde vim e para onde (eu acho que) vou 😉

 1.1.1.   De onde eu vim

 Sempre que elaborei um trabalho em que havia uma dedicatória, tive em mente uma pessoa, muito especial. E nesta “biografia” não poderia deixar de dedicar este post a uma guerreira que também é minha mãe: Nair Dametto. Com ela já percorri muitos caminhos, e levo seu exemplo por alguns cantos deste mundo.

Eu e minha mãe, Nair Dametto

Eu nasci no dia 22 de março de 1980, na cidade do Rio de Janeiro, no bairro do Rio Comprido. Sou ariano, ascendente câncer e lua em gêmeos, e isso explica um pouco a minha obstinação, idealismo, sensibilidade e comunicação.

Petit Trianon, sede da ABL no Rio de Janeiro

 Desde cedo eu gostava de livros, da pesquisa, e posso dizer que tive o privilégio de ter como quintal de minha casa a Academia Brasileira de Letras, onde minha mãe trabalhou até ser demitida sem justa causa faltando menos de um ano para se aposentar. Uma página a ser virada. Gosto de guardar os bons momentos, então sou muito grato à ABL, pois lá pude conhecer um mundo mágico: aquelas pessoas mais experientes, todos aqueles livros… A arquitetura e o ambiente cultural para mim faziam parte de um grande cenário lúdico. Aos cinco anos já havia criado meu primeiro “best-seller”: os contos de Babizu. Tudo bem que a única leitora fiel foi minha mãe, mas quer melhor público do que o fiel e que torce por você?

Prédio em Botafogo, antiga sede do Colégio Anglo-Americano

E foi com este ambiente de livros e trabalho que fui crescendo, estudando no Colégio Anglo-Americano de Botafogo, estudando piano no Conservatório Brasileiro de Música, fazendo natação na Associação Cristã de Moços, inglês no Brasas, Cultura Inglesa, e de repente, estava passando para o vestibular de Engenharia de Produção na UFRJ.

Centro de Tecnologia, Escola de Engenharia da UFRJ

Naquele momento aconteceu o meu primeiro salto quântico: ali pude conhecer pessoas muito inteligentes, e acima de tudo, descobrir minhas potencialidades.

Eu com a orientadora e amiga Maria Alice Ferruccio, na defesa de minha dissertação de Mestrado

Neste período da graduação tive a chance de conhecer uma grande mestre: a professora-conselheira Maria Alice Ferruccio. Mais que professora, hoje a “Tia Alice” é uma amiga e colega de trabalho. Que o Ministério do Trabalho não me leia, mas profissionalmente posso dizer que trabalho desde criança: gostava de escrever meus contos, fazer algumas obras de arte (nem eu sei onde elas foram parar), e aos 16 anos tive minha primeira experiência remunerada: como editor eletrônico. Tenho orgulho de dizer que participei da digitalização de 2500 laudas para o CD de 100 anos da ABL, e era muito legal passar algumas madrugadas adentro trabalhando com minha mãe, ouvindo a rádio CBN, vendo os preparativos do Carnaval, era divertido.  

Logotipo do evento Profundão, Encontro de Engenharia de Produção da UFRJ

Já na faculdade tive uma experiência muito interessante de atuar como voluntário da organização do II Profundão, o Encontro de Engenharia de Produção da UFRJ. Ali conheci mais sobre o que era Produção de Eventos, Marketing, os professores, os colegas de turma. Depois participei da organização do XIX ENEGEP, o Encontro Nacional de Engenharia de Produção, onde o porte maior do evento me fizeram aprender na marra sobre processos de escala, hierarquia, competências de liderança e trabalho em equipe. Meu primeiro estágio foi em um projeto para uma concessionária da Chrysler, onde aprendi muito sobre Banco de Dados e Customer Relationship Management.

Logotipo da Telemar, hoje a empresa de telecomunicações Oi

Outro salto quântico se deu quando estagiei na Telemar, nas áreas de Recursos Humanos e de Gestão Empresarial. Creio que tenho duas faculdades: a Engenharia de Produção e a Telemar. Quanta coisa aprendi nesta empresa. A lidar com pessoas de todos os tipos, com grandes números, planejamentos, e a botar a mão na massa, até servir cafezinho em treinamento eu lembro de ter feito. A Telemar foi uma ponte para meu primeiro emprego, como traineena antiga Fundação de Desenvolvimento Gerencial, do Prof. Falconi.  

Trainees da FDG da turma 2003, Belo Horizonte

Outro salto quântico: posso dizer que a FDG, e hoje o INDG, para quem trabalho, foi e até hoje é minha terceira faculdade, quantos aprendizados sobre métodos e ferramentas de gestão, sobre projetos, consultoria gerencial e coaching. Ao Prof. Falconi minha admiração pelo exemplo de empreendedorismo. Em 2005 conquistei um sonho que tinha desde adolescente: fazer um Mestrado, e lá tive a felicidade de aprofundar-me nos conceitos de Desenvolvimento Organizacional junto a cientistas da COPPE-UFRJ, altamente conceituados no mercado.  Somando-se esta trajetória a algumas experiências na psicanálise freudiana, terapia cognitiva, somaterapia, biodanza, filosofia à maneira clássica, astrologia, tarot, reiki, yoga, meditação, capoeira, trabalho voluntário, programação neurolingüística, oratória, teatro e coaching, senti que era hora de canalizar esta bagagem em alguma atividade que me fosse útil, sintética porém abrangente, mas que também fosse útil para o mundo.

 Sem perfeccionismo algum, admiti para mim mesmo que eu sou importante para o Mundo ajudando pessoas a conquistar seus planos, assim como eu consegui muitos deles. E foi começando aos poucos, comigo mesmo, com amigos e familiares, que resolvi admitir a minha “tríplice hélice”, perguntando para mim mesmo: O que eu sei fazer bem pra caramba, que além de tudo eu goste muito de fazer, e o Mundo esteja precisando?

Logotipo da André Luiz Dametto Consultoria

A resposta foi muito interessante: apoiar, de forma comunicativa e divertida, pessoas e negócios a enriquecer com equilíbrio. E assim, através de uma maneira didática, interativa e diversão levada a sério, que procuro realizar meus trabalhos, ajudando pessoas e organizações a se conhecerem mais, definirem seus objetivos, e acima de tudo, atingi-los. Conte comigo nesta trajetória!

 

1.1.2.   Pra onde eu vou

 

Como contei acima, sempre acreditei na força do planejamento e do talento, são inúmeros os casos de sucesso em empresas e pessoas. A primeira etapa no planejamento é a definição de objetivos, e para tal preciso saber onde estou e até onde quero, posso e preciso chegar. A grande questão é que muitos de nós não define objetivos de Vida, e quando define muito se atém a aspectos micro, do nível do comportamento, do dia-a-dia. A ciência da gestão, os grandes teóricos e a boa prática nos ensina que não basta termos um excelente Planejamento do Dia-a-Dia, da Rotina, quando carecemos do Planejamento Macro, de Estratégia, seja de Vida ou Empresarial.

 Esta foi uma das maiores lições que aprendi na experiência junto às empresas: é mais fácil o processo de aprendizado partindo do TODO para as PARTES, do que a tentativa abnegada de tentar compreender todas as PARTES para assim conhecer o TODO. No planejamento é o mesmo princípio: planejar e assim aprender, fica mais fácil quando começamos pelo todo, e foi assim que resolvi investir no meu Planejamento de Vida Pessoal. Primeiramente resolvi me conhecer mais, e para tal foram muito úteis as horas investidas em terapias. Foram instrumentos muito importantes que me permitiram definir melhor minha Missão, Visão e valores.

 Estes são os nossos grandes objetivos de Vida, de que adianta saber o que quero comer amanhã se não parei para pensar em algo muito mais importante que minha fome, meu desejo de comida: a VIDA? Para quem gosta de estatísticas, lá vai um importante dado: segundo a ONU, quando uma pessoa estabelece metas claras e objetivamente, há uma probabilidade 60% maior de que ela conquiste seus objetivos. Obedecendo a critérios específicos, isto é, condições específicas de como estas metas são estabelecidas, esta probabilidade aumenta para 90%. Se a gente pode ter em mãos este importante recurso, então vamos usá-lo, ou pelo menos experimentar, com certeza a caminhada vai garantir o sucesso da viagem.

 O primeiro passo foi definir minha Identidade, o que me torna exclusivo aqui neste mundo, seja em termos de características ou aspirações – aprendizagem e crescimento com diversão, ética, criatividade, diversidade, dinamismo, participação, comunicação, beleza, glamour, conforto. Baseando-se na minha identidade, busquei conhecer melhor minha Missão, e até hoje esmero a mesma, por enquanto ela está assim definida: Amadurecer, evoluir, aprender, me relacionar com diferentes tipos de pessoas, e passar para elas o que aprendi neste caminho de evolução, tanto no campo social quanto no profissional, através das relações pessoais e profissionais.

 

Tão importante quanto definir a Missão é encontrar a sua Visão, ou seja, onde quer chegar, e hoje entendo que a minha é Ser um agente de mudança na sociedade, liderando o processo de desenvolvimento humano de uma organização ou comunidade, e aprimorando o conhecimento adquirido. Para embasar a minha missão e sustentar o alcance da Visão, procuro sempre respeitar meus valores, que são: Dinamismo, Curiosidade, Ética, Diversão, Praticidade.

 

Quanta intimidade: agora vocês conhecem o que considero mais importante, a minha razão de estar neste Mundo. Mas sempre achei que a franqueza e a transparência são importantes, entendo que quando comunico quem sou, eu atraio para perto de mim aqueles que podem me ajudar nos meus sonhos. E uma grande citação no ensina que para realizarmos nossos sonhos vale a pena ajudarmos os outros seres humanos a conquistar os seus sonhos. E por isto estou aqui, para ajudar pessoas e empresas a conquistarem seus sonhos, e assim todos nós ganhamos nesta grande sistema chamado Vida. Esta é a minha história!

Sobre André Luiz Dametto

Apaixonado por aprender e criar. Às vezes professor e consultor, outras artista ou flâneur, mas livre, sempre..
Esse post foi publicado em Minhas histórias e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s