Você quer amar… ou um amor?

               

 

Em homenagem ao Dia dos Namorados, hoje resolvi escrever sobre o sentimento mais nobre que existe: amar! E aqui reflito sobre uma diferença semântica, porém fundamental: o verbo amar e o substantivo amor. Faço isso para diferenciar o amar sentimento, no âmago da palavra, versus um amor pensado, substantivo, quase comprado. E qual seria a diferença?

 

Entendo que, sendo um sentimento, amar é viver, é ser, é experimentar, ousar sem esperar algo em troca, é querer realmente o bem do outro, independente de quem ele seja: um amigo, um parente, um desconhecido, um namorado. Por outro lado, existe o amor objeto, fruto de nossas carências, adquirido no mercado do consumo afetivo, que preenche um vazio que paradoxalmente só cresce quando estamos do lado da pessoa errada.

 

Recentemente assisti ao filme Sex and the City, baseado em um seriado da TV homônimo, no qual quatro amigas convivem diariamente com suas questões afetivas. Tudo muito chique, com cenário novaiorquino, trendy, cool e mais uma série de adjetivos up to date que você quiser escolher. A sinopse citava que eu assistiria a um filme de amor, mas para mim ficou claro que se tratava de um filme sobre o consumo, inclusive o do Amor.

 

E percebo este fenômeno atualmente: as pessoas não querem mais amar, elas desejam um amor egóico, consumido mesmo, quase comprado em prateleira, ou quem sabe on-line, que é mais prático, não?! E assim eu imagino que solidão é ter um amor… e não amar!  Neste dia dos Namorados então o presente eu dou a mim mesmo: a reflexão de realmente querer amar, ser um homem amoroso, íntegro, com minhas idiossincrasias, enfim, Eu! O amor de prateleira, comprado, este eu agradeço, deixo para Sex and the City!

 

E você, quer amar… ou um amor?

Sobre André Luiz Dametto

Apaixonado por aprender e criar. Às vezes professor e consultor, outras artista ou flâneur, mas livre, sempre..
Esse post foi publicado em Sei lá. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Você quer amar… ou um amor?

  1. ALFONSO RODRIGUEZ disse:

    Mi querido André, me es muy grato volver a comentar una ves más en tu blog y sobre todo en este tema tan interesante, es cierto lo que dices, tristemente en el mundo actual se ha hecho del amor un articulo más de la mercadotecnia, para cualquier lado que veamos al amor lo ponen como un articulo más ya sea en aparadores de tiendas o bien en revistas y hasta en la televisión, Y si hablamos de la fecha que mencionas, el día de San Valentin, pues es el día idóneo para que el consumismo y la mercadotécnia hagan del amor un negocio y se olvida el principal objetivo que es amar. En México también se da este fenómeno y pues que le podemos hacer ante tanto avance de los medios para hacer del fechas como el día de san valentin un alarde de mercantilismo. Me imagino que allá en Río y en todo Brasil también se da el que la gente ofrezca por un poco de plata o dinero un servicio que mas que afectivo y de amor es una prostitución de las personas con el único propósito de satisfacer su ego y sus deseos carnales, es una pena que ya no se procure el dar verdaderamente amor a los demás y como bien dices alguien puede amar por amar? Gracias por mostrarme el que tu eres una de las personas que aún antepone el amor verdadero a un momento de placer y que muestras el verdadero sentir de amar a un poco de plata en el bolsillo.

    Pues espero te guste mi punto de vista y te digo que tu forma de pensar complementa lo que ya me has demostrdo desde el momento en que te conocí, eres una personita que vales no por el dinero que puedas poseer sino por el gran ser humano que hay en ti y sobre todo que tienes unos grandes valores en tu corazón y eso te engrandece más.

    UN afectuoso saludo desde México y felicidades por mostrar estos temas en tu blog.

    Alfonso, R.G.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s