Ser profissional

                                       

É engraçado como aquilo que pode nos salvar também pode nos matar. O trabalho de ouvir e oferecer caminhos para pessoas e empresas me proporcionou grandes crescimentos e descobertas. Mas em excesso está me gerando uma crise. Novamente a questão do equilíbrio…

 

Hoje escrevo sobre algo que vem me intrigando há tempos: o quanto tenho sido profissional em minhas vivências pessoais. Digo isso porque eu acho que muita gente só me vê como um ser profissional, então a lista é infindável: amigos clientes, familiares clientes, vizinhos clientes, e tem uma hora que enche o saco, parece que sou um ser irresoluto, sem problemas, que está sempre pronto pra ouvir, e ouvir, e ouvir.

 

E o mais interessante é que o culpado disso tudo sou eu mesmo: num ato inconsciente de ser (ou parecer) interessante, eu mesmo já chegava com um approach de resolvedor de problemas, de ouvinte, conselheiro, e num papo de dez minutos, 8 minutos eu ouvia, e os outros 2 eu vinha com um conselho. E ai se eu não desse. O pior de tudo é ouvir de pessoas que já ajudei muito que eu poderia fazer mais. Mas eu mereço, criei uma legião de mimados como eu, e agora o dever é meu de desmimar um por um. E pro bem deles!

 

CANSEI! Peço desculpas a todos que manipulei, não foi a pior mas também não foi a melhor maneira de me aproximar. Espero realmente ter sido muito útil na Vida de cada um, mas agora quem quer ser ouvido sou eu: como vocês tenho problemas, pago contas, acordo cedo pra trabalhar e quero ser ouvido. Se começar com história de me contar problema vou pedir gentilmente que pare, não vou mais alimentar isto! 

 

Fiquem à vontade para me criticar, reclamar que eu não sou mais o mesmo, que cuido pouco, enfim, prefiro que não gostem de quem realmente sou do que gostem de quem não sou.

 

Abs de alguém que também sente,

 

André

Sobre André Luiz Dametto

Apaixonado por aprender e criar. Às vezes professor e consultor, outras artista ou flâneur, mas livre, sempre..
Esse post foi publicado em Sei lá. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Ser profissional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s